sábado, 19 de março de 2016

Vamos brincar: Material dourado!!!


                                

 Ensinar o conceito de centenas, dezenas e unidades é muito mais fácil quando se utiliza material concreto, desde tampinhas a jogos com essa finalidade, o importante é a criança manipular materiais e ir construindo, pouco a pouco, a ideia de que cada número varia seu valor de acordo com a sua posição.  

 Aqui no blog tem outras dicas que ajudam o aluno a compreender essa lógica, uma delas é utilizando o ábaco, mas hoje quero compartilhar uma forma bem fácil de trabalhar com o material dourado.

 Para fazer esse jogo, os alunos precisam ter tido contado com o material antes, manipulado e ter uma ideia geral de sua representação. Essa parte eu faço na sala, com registro no quadro e também em grupos.

 Nessa atividade o quadro de valores foi feito com giz, e o importante não é acertar, mas pensar e fazer sozinho, os erros corrigimos juntos.

                                              

 Fiz duas etapas, primeiro mostrava o número na lousa e eles representavam com o material dourado, depois fazia a representação com o material e eles escreviam com algarismos.

                                         

 Nessas fotos a representação era o numeral 148, tivemos duas hipóteses diferentes que permitiram a discussão e a construção do conhecimento. O jogo também auxilia o professor, pois um a um, você vai vendo quem já consolidou o conceito e quem precisa de mais alguns estímulos.




Depois da brincadeira, fomos fazer o registro. Assim, os exercícios ficam mais fáceis, porque coloco no quadro o que fizeram no jogo.



Mais uma pequena ideia compartilhada, espero que sua turma goste  também!!!


     Até mais!!!


sábado, 12 de março de 2016

Corpo humano, sistema esquelético e leitura e escrita todo dia!

                                                   
 Livro excelente, estava pesquisando para dar aula sobre sistema esquelético e achei ele, é uma ótima ferramenta e possibilita a discussão de muitos assuntos. 

 Esse ano já estava trabalhando o corpo e a higiene, então foi fácil fazer o link com o novo conteúdo.

 Começamos a aula com a leitura do livro e a observação do cartaz...


 Depois fizemos uma produção, ainda não tinha dado nenhuma folhinha, ninguém tinha nem aberto o caderno de aula,  mas olha o texto que essa gatinha escreveu...



  Começamos a semana bem!

 No outro dia levei um texto informativo para análise e interpretação, tudo bem registradinho no caderno. 

                             

 Conhecimentos registrados, mais um texto!

Neste pedi para eles representarem o esqueleto da melhor forma e escreverem sobre o que aprenderam até o momento.


 E mais atividades para consolidar a aprendizagem, nesta eles precisavam pesquisar no cartaz o nome correto dos principais ossos.


  Já no meio da semana, começamos a trabalhar com  as palavras do texto, partimos da palavra "esqueleto".

 Primeiro com o alfabeto móvel: quantidade de  letras, sílabas e formando outras palavras e depois registrando no caderno mais palavras com "QUE".



 Continuamos com uma atividade que eles amaram, a representação do esqueleto com cotonetes, coluna vertebral, fêmur, costelas...

                   

 E pra fechar a semana, mas não o assunto, porque ainda não terminamos, fizemos um bingo com todas as palavras listadas no dia anterior, cada um escolheu as suas  e fez sua cartela.



      




 Essas fotos expressam bem o prazer de ensinar e aprender, um esqueleto feliz da vida e uma cartela cheia de corações!!!


                


 A sala de aula é um espaço de aprender sim e muito, mas também é espaço de brincar, pensar, refletir, construir e cativar!

           

 Vivendo sempre Num constante aprendizado!
 Até a próxima!!!