sexta-feira, 10 de julho de 2015

Festa junina: é só festa ou dá para aprender também?


 As férias chegando, as crianças na expectativa (e eu também)... Mas, calma, ainda não acabou! Vem festa por aí!!!

 A motivação já estava colocada, não precisei me preocupar com isso, havia muita emoção envolvida... Os alunos amam festas, dançar, se vestir tipicamente, comer pratos que só nessa época saboreamos...
 Então aproveitei toda essa euforia para ampliar e consolidar os conhecimentos.

 Começamos pela música que iríamos dançar:


  Ela é uma graça, muito animada. Depois que iniciamos a coreografia, trabalhamos com a estrutura do texto.

 Fizemos essa parte coletivamente: localizar título e autor, identificar a diferença desse gênero textual para outros, pintar o espaçamento e etc.

 Nesta aula também aproveitei para fazer uma lista das comidas típicas dessa festa e depois organizá-la em ordem alfabética, assim os alunos já foram pensando no que trazer para o lanche coletivo.

 No outro dia trabalhamos com as palavras do texto, um bom momento para pensar sobre a escrita.

                                          

 Também refletimos sobre o significado delas. É sempre um momento riquíssimo trabalhar com o conceito das palavras, às vezes achamos que os alunos conhecem o que cada uma  representa, mas não é bem assim...

 A turma descobriu que peão e pião são coisas opostas e  que moçada não era um monte de meninas... 

 Também fizeram comparações, o que é ótimo: "perna bamba, seria como corda bamba", e "adrenalina igual a energia". Assim a música foi ganhando um sentido mais claro. Nesse dia combinamos a vestimenta: todo mundo de botina!!!

 Chegou a vez das brincadeiras. Listamos no quadro as mais conhecidas, depois fiz com eles uma votação, cada um escolheu a sua brincadeira preferida. Anotamos os dados na tabela:



 Então pedi para registrarem o resultado num gráfico. Pensa daqui, pensa dali... "O que é um gráfico mesmo?" Após relembrar, mãos à obra!




 Entre um ensaio e outro fomos confeccionando os brinquedos para a festa, cada um ajudando um pouco. Também fizemos bandeirinhas e um mural. Eles amam fazer parte da organização, afinal a festa é deles!


                           


 Interpretado o gráfico, ampliado o vocabulário, confeccionado os jogos, estimulado a cooperação e revisado os conteúdos para as avaliações, chegou o dia tão esperado.

Claro que foi só folia!

 



 E assim, em clima de preparação para a festa, o conhecimento foi sendo construído!

 Todo dia é dia de aprender, todo momento pode ser aproveitado e uma festa, com certeza, é uma boa oportunidade para que isso aconteça!

                         
Obrigada por sua visita e até a próxima!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário